sexta-feira, 4 de julho de 2014

Aprendendo com o Profeta Jonas


Quebra-gelo:
Cantar com a Igreja o "Corinho do Adão".
É muito legal, quebra o gelo e diverte os pequeninos sem perder o foco da mensagem!
Confira este corinho aqui























Vamos começar? A história de hoje fala de alguém que também vacilou, mas não foi o Adão...
É o profeta Jonas!!! 
Vamos fazer uma pequena gincana? Quero ver quem sabe a história deste profeta:
  1. Deus deu uma ordem a Jonas, para pregar a um povo de uma cidade. Qual?
  2. Mas Jonas não foi para Nínive. Ele pegou um navio que ia para onde?
  3. Enquanto a viagem acontecia, o que Jonas fazia no barco?
  4. De repente, algo muito ruim sobreveio a todos que estavam no navio. O que foi?
  5. O que fizeram com Jonas para acalmar a tempestade?
  6. O que aconteceu com Jonas quando ele caiu no mar?
  7. Quantos dias Jonas ficou na barriga do grande peixe?
  8. O que Jonas fez dentro da barriga do grande peixe?
  9. O que Deus ordenou ao peixe que fizesse com Jonas?


Parabéns!!! Vocês conhecem muito bem a primeira parte da história deste profeta, que é a seguinte:
Deus mandou ele pregar a Palavra em Nínive, ele desobedeceu, pegou um barco pra outra cidade; de castigo foi jogado no mar onde passou 3 dias e 3 noites na barriga de um grande peixe. Depois disso ele se arrependeu, o peixe o vomitou e ele foi pregar em Nínive onde todo o povo se arrependeu de seus pecados.

Desta primeira parte da história, extraímos a primeira lição para a nossa vida:

1) POR QUE VOCÊ ESTÁ AQUI? 
PARA QUE VOCÊ FOI CHAMADO POR DEUS? 
ASSIM COMO JONAS, DEUS NOS CHAMA E NOS ENTREGA UMA MISSÃO.

Iniciar a explanação deste tópico mostrando ao público uma garrafa vazia e com tampa.
Para este momento, me inspirei num vídeo que você pode acessar clicando aqui
Esta garrafa foi feita com um propósito. Para quê? Isso mesmo... guardar algum líquido em seu interior. Mas eu posso guardar o líquido dentro da garrafa como ela está agora? 
Claro que não! Primeiramente preciso tirar a sua tampa.
Isto também acontece conosco.
Deus criou o profeta Jonas, a Maria, o Pedro, o Pastor Marcos... criou a mim e a você para guardarmos uma coisa dentro de nós: a sua presença!!!
Mas o pecado nos afasta de Dele e não deixa seu Espírito habitar em nós... é preciso tirar a tampa do nosso coração... aquela tampa que nos impede de vivermos juntinho com Deus!!! Afinal, Ele não é aquele ser distante que vive bem longe de nós. Não! Ele quer viver DENTRO de nós e nos usar poderosamente!
Deus nos chama e nos dá algumas missões e a primeira delas é SER FELIZ!!!

Tire da tampa que te impede de ser feliz em Jesus:
A tampa da descrença
A tampa da mentira
A tampa da inveja
A tampa do desamor
...

Agora, como Igreja, também temos outra missão:  influenciar a sociedade por seu estilo de vida de acordo com a Palavra de Deus e de proclamar e anunciar a palavra de Deus. 
Mas você sabia que, como Jonas, nós podemos perder a noção daquilo que realmente é importante e valorizar coisas sem nenhum valor – (Jn 4:10).
Bom... agora "começa" a segunda parte da nossa história!!!

2) O QUE É IMPORTANTE PARA NÓS E O QUE É IMPORTANTE PARA DEUS? 
A HISTÓRIA DE JONAS NOS ENSINA A PENSAR SOBRE ISSO: 
DEUS NÃO ENXERGA E NEM PENSA COMO O HOMEM.

Finalmente Jonas resolve cumprir a missão que Deus lhe confiou:
Prega e toda a cidade de Nínive se arrepende. 
Mas o profeta fica muito chateado por Deus ter perdoado a cidade de Nínive: uma cidade tão perversa e pecadora merecia mesmo ser destruída, não é mesmo? Será?

Na verdade, Jonas se esqueceu  rapidamente da misericórdia que recebera de Deus quando estava dentro do peixe! (Jn 2.9,10). Ele ficou muito feliz quando Deus o salvou, mas irou-se quando Nínive foi salva.
(Você pode abordar aqui que muitos adultos às vezes julgam crianças e adolescentes e esquecem que já estiveram em situações semelhantes).
Jonas, contudo, fez o seu próprio julgamento e concluiu serem os ninivitas pecadores demais para merecerem o perdão de Deus. 
Jonas é tão parecido conosco: olhamos para as pessoas e as julgamos desprovidas de amor divino, tão erradas e indignas que sequer merecem nossa atenção.
Mas, quem somos nós para julgarmos os outros? Todos temos pecados e só a clemência de Deus nos pode valer! Todos estamos nas mesmas condições de necessitados da graça de Deus!!!
Quer ver uma coisa?

Dinâmica das Três Cordas Pequenas.
Esta dinâmica é excelente! 
Ela nos mostra que, para Deus, não existem "pecadinhos" ou "pecadões". Todos aqueles que pecam estão em "pé de igualdade" e Deus ama a todos e deseja perdoá-los da mesma forma.
Para esta dinâmica  e usá-la em sua mensagem, clique aqui

Depois que aprendemos que Deus pensa diferente de nós e que é muito importante que tenhamos a mente de Cristo (1 Co 2:16), vamos à última lição de nossa conversa de hoje:

3) PREOCUPE-SE COM O QUE REALMENTE TEM VALOR...
BUSQUE AS COISAS QUE SÃO DO ALTO

E estava Jonas lá!!! Triste e deprimido porque a cidade não seria destruída... um calor!!!!
Deus, que é perfeito, resolveu ensinar algo a Jonas:

Para mostrar ao profeta o quanto estava errado e que seus valores estavam invertidos, Deus criou uma planta enquanto ele estava dormindo para fazer sombra sobre sua cabeça por causa do forte calor. 
Essa planta alegrou em extremo a Jonas.

Mas, logo após, um bicho, enviado por Deus a feriu, fazendo-a se secar; isso fez com que Jonas desejasse a morte. Deus então mostrou que ele estava valorizando algo que não tinha valor algum, algo desprezível estava sendo mais valorizado por ele do que toda uma cidade, mais do que as vidas que estavam prestes a receberem o juízo de Deus.
Há tantos dentro das Igrejas se preocupando com tão pouco... 
Jonas se alegrou com uma planta, mas não se alegrou em ver a misericórdia de Deus alcançando toda uma cidade que seria destruída por Deus. 
Hoje muitos estão se alegrando em extremo com o carro novo, com a casa nova, com o novo emprego, com a “benção de Deus”, mas não estão nem ai com aqueles que estão se perdendo, às vezes até a própria família!
Muitas vezes damos mais valor às coisas, aos NOSSOS bens, ao NOSSO trabalho, aos NOSSOS estudos, às NOSSAS vontades e não pensamos nas outras pessoas, quando Deus manda: “Amai o próximo da mesma maneira que você se ama”. Isso quer dizer que da mesma maneira que nós nos preocupamos com as nossas coisas, com o nosso bem estar, temos que nos preocupar com o bem estar do próximo.
Que a gente não esqueça: nossa aboboreira (casa, carro, roupas, bens materiais, nosso corpo...) um dia vai secar e morrer, mas nossa vida e de quem está à nossa volta não acaba aqui.
Então não se apegue à aboboreira e corra para Nínive que você tem muito trabalho a fazer!!!




Então pense: com o que você tem se preocupado?
Busque as coisas do alto... bem mais alto do que uma aboboreira!!!

Vou te contar uma história e, enquanto eu estiver contando, reflita no que Deus pode fazer por você e para você.

Dinâmica da Folha de Papel seguida de apelo.
Para conhecer a dinâmica e utilizá-la em sua mensagem, clique aqui



















Colaboração: 
http://boladenevebauru.blogspot.com.br/2012_01_01_archive.html   
http://gospelrtv.blogspot.com.br/2012/10/42-aboboreira-eu-te-amo-jean-rtv.html

terça-feira, 1 de julho de 2014

Dinâmica das Cordas - Como Deus vê o pecador




Nas andanças pela "net", encontrei "O Evangelismo Criativo", com dinâmicas muito interessantes para usarmos nas pregações com os pequenos.
Vale a pena conferir!!!
Nesta dinâmica, demonstramos que Deus não pensa ou enxerga como nós...
Para Deus não existe "pecadinho" ou "pecadão"!
Extremamente visual, esta dinâmica é simples e tem um mensagem poderosa!!!

Confira a dinâmica clicando aqui